Notícias

Uma reflexão sobre os direitos humanos

O conceito de Direitos Humanos já é antigo. Assinada em 1948, pelos Estados-membros da ONU, a Declaração Universal dos Direitos Humanos surgiu após a 2ª Guerra Mundial para promover a paz e garantir uma vida longa e digna a todos os cidadãos do planeta. 

Mais de 65 anos depois, a humanidade ainda tem muito a evoluir para conseguir atingir todos os objetivos do documento. Entre eles, liberdade, respeito e acesso à educação, saúde, alimentação e moradia de qualidade para todos.

Um bom momento para refletir sobre o tema é 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos e, não por acaso, quando décadas atrás foi assinada a Declaração da ONU. Muito mais do que uma data comemorativa, trata-se de um dia para relembrar que a garantia efetiva dos direitos humanos – a todos os povos e nações – requer participação coletiva e vigilância contínua – sobre os governos e, também, empresas. 

Em um cenário de globalização econômica, com companhias cada vez maiores e sem fronteiras para atuar no mercado, os direitos humanos deixaram de ser uma questão regulamentada, apenas, pelos Estados para se tornar uma prioridade estratégica do mundo corporativo.

É necessário que as empresas criem regras e princípios de atuação condizentes com o respeito aos direitos básicos de todos os seres humanos – e, claro, que os consumidores estejam atentos a esse movimento, pesquisando e cobrando das empresas uma boa conduta socioambiental.

Consciente do papel fundamental que exerce no desenvolvimento coletivo, a AES já faz parte do conjunto de empresas  preocupadas com a questão. O Grupo possui sua Declaração de Compromissos sobre Direitos Humanos, que norteia a gestão cotidiana dos negócios de toda a sua cadeia de valor, a fim de estimular que colaboradores e, também, fornecedores atuem de forma ética.

Baseado na Declaração Universal dos Direitos Humanos e nas Diretrizes da Convenção da ONU sobre os Direitos da Criança – além, claro, do Guia de Valores e da Política de Sustentabilidade da AES –, o documento reúne oito princípios que expressam o compromisso do Grupo em garantir os direitos básicos de todos os indivíduos com os quais se relaciona, sem que haja discriminação por raça, cor, gênero, idioma, nacionalidade ou qualquer outro motivo – como religião, preferência sexual, opinião política e condição social.

Confira, na íntegra, a Declaração de Compromissos sobre Direitos Humanos da AES e conheça, abaixo, alguns dos nossos projetos sociais pelos quais reforçamos nossos compromissos: 
© Copyright 2018 Eletropaulo - Todos os direitos reservados